Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2018

Brincar é terapêutico: Ajude seu filho.

A criança precisa de muitas coisas para ser feliz principalmente de amor, familia, respeito, educação, saúde, no entanto por vezes esquecemo-nos de incluir o brincar. A brincadeira é a primeira, e talvez a mais importante forma, de ajudar seu filho a aprender.  Todas as crianças aprendem brincando e explorando.  Brincar ajuda a criança a ter imaginação, a criar e a imitar situações que já vivenciou, interiorizar regras e a assimilar padrões culturais. Brincar também é cultura. Brincar ajuda a desenvolver as suas capacidades, aprender a lidar com frustrações e a controlar o stress. O brincar também estimular a coordenação motora, melhora o controle motor. Torne-se o companheiro de brincadeiras de seu filho, desde bebê e mostre a ele como brincar com seus brinquedos. Mostre o que um brinquedo faz, como ele faz barulho, como se move, como encaixar e desencaixar, como esconder e encontrar um brinquedo. Conforme seu filho vai crescendo descubra novas brincadeiras que estimulem seu desenvolvimen…

Atividade lúdica com a Terceira Idade: Uma foto Uma história.

Trabalhar com a terceira idade é um desafio.  Além da saúde física é necessário trabalhar a saúde mental. Para isso é interessante propor atividades lúdicas que estimulem o cognitivo, a concentração, o raciocínio, a memória e ainda favoreçam a convivência. E se agregarmos a atividade de contar uma história com a observação de fotografias antigas. É essa a proposta do trabalho: Uma foto uma história.
Atividade com a Terceira Idade: Uma foto Uma história
Este projeto teve por objetivo específico a realização de encontros temáticos com a exposição de fotos e apresentação oral da história contida naquele registro fotográfico. O trabalho visa oportunizar a partilha de experiências e memórias, permitindo a reflexão e o diálogo entre os participantes. Inicialmente, foram previstos 6 encontros temáticos e um dia de conclusão da atividade. Cada encontro temático com a duração aproximada de 2 horas e 30 minutos, tendo individualmente o espaço de 10 minutos para exposição de fotos e apresentação oral…

Prescrição para saúde: Fotografia e Poesia de Santo Agostinho.

“Ama e faz o que quiseres. Se calares, calarás com amor; se gritares, gritarás com amor; se corrigires, corrigirás com amor; se perdoares, perdoarás com amor. Se tiveres o amor enraizado em ti, nenhuma coisa senão o amor serão os teus frutos.” (Santo Agostinho)


A beleza do envelhecimento. A foto retrata a senhora Anna Dezan Gonzaga, que durante seus 97 anos de vida foi amor. Ela foi um exemplo de que para envelhecer com saúde e beleza é preciso amar. Quer beleza maior do que refletir o amor? Esta foto faz parte do acervo do meu projeto fotográfico autoral, sem fins lucrativos, a beleza do envelhecimento.



Natalia de F. G. Ferreira. Fisioterapeuta e  estudante de fotografia. A fisioterapia foi escolhida com a razão, para com amor fazer diferença na vida das pessoas.  A fotografia com o coração, para além de fazer a diferença, registrar os momentos significativos da vida.



Prescrição para saúde: Fotografia e Poesia de Raquel de Queiroz.

"Netos são como heranças: você os ganha sem merecer. 
Sem ter feito nada para isso, de repente lhe caem do céu. É, como dizem os ingleses, um ato de Deus.  Sem se passarem as penas do amor, sem os compromissos do matrimônio, sem as dores da maternidade.  E não se trata de um filho apenas suposto, como o filho adotado: o neto é realmente o sangue do seu sangue, filho de filho, mais filho que o filho mesmo..." (Raquel de Queiroz)

A beleza do envelhecimento. Ser belo não é um privilégio de pessoas jovens. Precisamos reconhecer a beleza no envelhecimento. Meu trabalho consiste em retratar a terceira Idade para nos ajudar enxergar esta beleza. A retratada de hoje é a senhora Lazinha Duarte Volpin e sua neta Liz Volpin Brandão. Esta foto faz parte do acervo do meu projeto fotográfico autoral, sem fins lucrativos: A beleza do envelhecimento.


Natalia de F. G. Ferreira. Fisioterapeuta e  estudante de fotografia. A fisioterapia foi escolhida com a razão, para com amor fazer diferença na vida …

Shantala: Massagem para bebês

“Sim, os bebês tem necessidade de leite, mas muito mais de serem amados e receberem carinho serem levados, embalados, acariciados, pegos e massageados” (LEBOYER)
A Shantala foi divulgada pelo obstetra francês Frédérick Leboyer, nos anos 1970. É uma técnica de massagem indiana, e é bastante interessante na fase em que o bebê ainda não tem controle sobre todos os movimentos do corpo, promovendo a saúde integral, reforçando vínculos afetivos, a cooperação, confiança, criatividade, segurança, equilíbrio físico e emocional. Em 2017, o Ministério da Saúde incluiu a prática da Shantala na Política Nacional de práticas integrativas e Complementares (PNPIC), permitindo sua oferta na atenção básica.
Benefícios da shantala: • A regulação das funções fisiológicas digestivas e respiratórias, o que contribui para evitar a manifestação de cólicas, prisão de ventre e dor de barriga, e para favorecer a digestão; • O desenvolvimento da propriocepção, ou seja, a consciência do próprio corpo; • O ganho de peso …

MULHER

Mulher, É preciso enxergar a beleza no envelhecimento. Compreender que somos como argila nas mãos do tempo, que molda nosso corpo, contando a nossa história. Nossos olhos, refletem tudo o que vimos, como o sorriso da criança, o colorido das flores, a dor no rosto querido, nossos amores, a beleza da paisagem. Muitas vezes os sentimentos que guardamos no peito, marcamos no rosto, expressamos no meio da testa. Já aqueles sentimentos que extravasamos, escancaramos em gargalhadas, podemos ver nas marcas ao redor de nossa boca. Além das rugas, a pele se cobre de manchas, que entregam os dias passados ao sol, na preguiça, ou na labuta diária... Enfim, essa beleza que o tempo esculpiu é nossa vida, nossa alma refletida.  ( Natalia Guerreiro Ferreira)